De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Lifestyle

Projeto português de música para bebés já se exporta

A companhia Musicalmente anunciou a temporada dos Concertos para Bebés para 2019, que inclui 16 programas originais de vários estilos musicais para crianças dos zero aos cinco anos, em cinco cidades portuguesas e vários festivais em salas estrangeiras.

Segundo o diretor artístico, Paulo Lameiro, a nova programação reforça “a consolidação do projeto nos conteúdos e no crescimento internacional, que continua a aumentar”.

Sediada em Leiria, a companhia Musicalmente vai contar no próximo ano com convidados como Luísa Sobral – que apresentará aos bebés temas do novo disco -, Surma ou Mário Laginha, mas também fará propostas mais experimentalistas, com o multi-instrumentalista Hugo Correia, o multi-percussionista Marco Fernandes ou a bailarina e investigadora Inesa Markava.

O repertório mais clássico continua presente, com concertos pensados para fagote e contrafagote, violino e violoncelo, trompa ou tuba.

“Em 2019 haverá não 12 como habitualmente, mas 16 novos programas, viajando por todas as linguagens musicais, mas mantendo a chamada música clássica como âncora de toda a programação”, sublinha Paulo Lameiro.

Entre as principais novidades surgem residências mensais da Musicalmente no Convento de São Francisco, em Coimbra, e no Cine-Teatro Louletano, em Loulé.

O Teatro Stephens, na Marinha Grande, volta a receber Concertos para Bebés regularmente, tal como o Teatro Miguel Franco, em Leiria, e o Centro Cultural Olga Cadaval, em Sintra.

Fora de Portugal, os Concertos para Bebés vão inaugurar festivais na Irlanda, com um programa dedicado à música antiga, e vão pela primeira vez atuar na Roménia, em Bucareste.

Em Espanha, há concertos marcados para as principais salas de Madrid, Valência e Barcelona, além de atuarem com a Orquestra Sinfónica de Bilbao, com a também portuguesa Surma como convidada.

“Para 2020 prepara-se já uma digressão a Seul na Coreia [do Sul]”, antecipa o diretor artístico.