De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Motores

Elisabete Jacinto abandona Africa Race

Desilusão para Elisabete Jacinto, a piloto portuguesa abandonou o África Eco Race 2017 devido a um problema mecânico no camião AMN TGS.

Elisabete Jacinto tinha cumprido cerca de 70 quilómetros da especial de hoje da maratona africana, que era composta por 370 quilómetros cronometrados entre Domaine Moulay e Tagounite (Marrocos), quando um princípio de incêndio ocorreu na zona do motor do camião.

A portuguesa, que era terceira na classificação dos camiões à partida para a segunda jornada, parou antes de entrar nas dunas do Erg Chebbi para apagar as chamas e verificar os danos sofridos mas, apesar de o fogo ter sido prontamente extinto, não foi possível continuar em prova.

“Quando saímos percebemos que havia chamas sobre o motor, que estava a derramar óleo. Pegámos nos extintores, apagámos o incêndio e constatámos que tínhamos um problema grave no motor. Chamámos a assistência que veio ter connosco para nos ajudar a resolver o problema. Ainda tínhamos esperança de poder continuar em prova, mas passado algum tempo percebemos que a avaria era grande e que não poderíamos continuar. Foi uma grande desilusão para todos nós”, contou Elisabete Jacinto, citada pela sua assessoria de imprensa.