De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Lifestyle

No fim-de-semana visite uma aldeia histórica

A festa está de regresso às Aldeias Históricas de Portugal. É já no final do mês de junho que acontece o primeiro evento do Ciclo “12 em Rede | Aldeias em Festa 2019”, na Aldeia Histórica de Sortelha.

De 28 a 30 de junho, a Lenda do Beijo sem Fim, uma das mais míticas estórias desta aldeia, vai servir de mote para três dias repletos de experiências únicas.

Conta a lenda que, no tempo em que Portugal lutava pela reconquista das Beiras aos mouros, a filha do alcaide de Sortelha ter-se-á apaixonado pelo príncipe mouro. Trocaram mensagens e presentes, até que um dia combinaram encontrar-se. Mas a mãe da donzela, sempre vigilante, decidiu segui-la. Praticante de bruxarias, assim que os dois se beijaram, amaldiçoou-os, transformando-os em pedra. Surgiram, assim, os curiosos penedos de Sortelha, que até hoje são conhecidos como as Pedras do Beijo Eterno.

É esta romântica lenda que inspira o primeiro evento do Ciclo “12 em Rede | Aldeias em Festa 2019”, que regressa no final do mês às Aldeias Históricas de Portugal. De 28 a 30 de junho, Sortelha recebe a festa “Beijo sem Fim”, com um programa repleto de música, gastronomia, animação de rua e visitas guiadas. Com entrada gratuita, a festa “Beijo sem Fim” é uma oportunidade única para descobrir esta belíssima Aldeia Histórica, assim como as suas gentes, que também participarão nos vários momentos do evento.

Quem visitar a Aldeia Histórica de Sortelha por estes dias é convidado a experimentar, por exemplo, antigas vivências do quotidiano dos habitantes da aldeia, como a recriação da ceifa e da malha com o Ti Hermenegildo, o Ti Raul Clara, o Ti Manel Reis, a Ti Celeste, a Ti’Alice, a Ti Capitolina; ou aprender a fazer molídias para transportar cestos no topo da cabeça, como antigamente, com a Ti Hortênsia.

Partindo da temática do romantismo, serão exploradas e partilhadas diversas abordagens artísticas à Lenda do Beijo sem Fim: Histórias de papel (teatro itinerante em miniatura), exploração plástica (atelier de pedras amorosas e atelier de origami) e visitas guiadas encenadas com participação da comunidade, numa partilha de saberes com uma companhia artística.

Haverá tempo, também, para os típicos jogos tradicionais, que prometem animar miúdos e graúdos.

Pela noite dentro, rompendo o silêncio das muralhas, ouvir-se-á música escolhida a preceito, evocando sonoridades tradicionais.

O regresso às raízes está também garantido na abordagem à gastronomia identitária, numa reinterpretação contemporânea e com o conceito de sustentabilidade como premissa.

Assim como nas edições anteriores, a experiência da merenda nos recantos de Sortelha volta a ser uma aposta da programação. Dela resultam os melhores quadros fotográficos, momentos de partilha genuínos, enquanto contribuímos para a venda dos produtos da terra.

Os ateliês, experiências orientadas e piquenique estão sujeitos a inscrição prévia obrigatória através do telefone: 271 750 080 (Museu do Sabugal) ou email: eventos.sabugal@cm-sabugal.pt. Limitadas ao número de vagas existentes.

Este evento é promovido pela Associação de Desenvolvimento Turístico Aldeias Históricas de Portugal, numa organização do Município do Sabugal, Junta de Freguesia de Sortelha, Associações e Agentes económicos locais. Uma iniciativa apoiada pelo Centro 2020, Portugal 2020 e Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, através do Programa de Valorização Económica de Recursos Endógenos (PROVERE).