De que está à procura ?

Comunidades

Jessica Carrilho: a musa do BOM DIA 20 anos depois

Em 2002, o BOM DIA comemorava um ano e lançava uma campanha de promoção com cartazes em que propunha aos portugueses descobrirem aquilo a que na altura chamávamos um “portal” e que se dedicava então apenas aos portugueses do Luxemburgo.

Para “dar a cara” pelo BOM DIA foi escolhida a jovem Jessica Carrilho, num cartaz que anunciava a originalidade do projeto: “uma nova frescura para os portugueses”.

Recorde-se que o BOM DIA foi o primeiro jornal em linha das comunidades portuguesas no mundo.

Stand do BOM DIA no Festival das Migrações em 2002 com a imagem de Jessica

A jovem portuguesa, de origem alentejana, começou a trabalhar como manequim desde os 15 anos, sendo, por exemplo, umas das modelos da marca Nuno Gama, quando o estilista abriu uma boutique no Luxemburgo.

Quando foi realizada a sessão fotográfica para os cartazes do BOM DIA que pode ver acima, Jessica Carrilho tinha 19 anos e era estudante em contabilidade. Hoje tem 39 anos, é consultora em informática e diz que não há muito a contar sobre a sua carreira como modelo.

Respondendo à questão se continua a ser manequim, acrescenta com humor que “com a minha idade ser modelo já não é o que era”, mas assume que continua a gostar de estar à frente de uma objetiva e de fazer sessões de fotografias.

“Vivi experiências interessantes a vários níveis (profissional e pessoal) graças ao trabalho como modelo”, reconhece Jessica Carrilho, 20 anos depois de ser a musa do BOM DIA.

Jessica Carrilho na atualidade

TÓPICOS