De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Lifestyle

Adeus Galaxy Note 7

A Samsung anunciou hoje o fim da produção do Galaxy Note 7 e pediu aos seus parceiros em todo o mundo para pararem de vender o telefone, na sequência de casos persistentes de explosão e combustão do modelo.

“Reajustámos recentemente o volume de produção para reforçar a investigação e o controlo de qualidade, mas colocamos a segurança dos consumidores como prioridade máxima e tomámos a decisão final de parar a produção do Galaxy Note 7”, anunciou a empresa em comunicado.

Antes deste anúncio, a fabricante mundial de smartphones sofria já uma forte queda na Bolsa de Seul — onde as ações da companhia caíram 8,04% – a maior perda de valor em oito anos — perante os receios de que este episódio cause danos sérios à sua saúde financeira.

As entidades reguladoras tanto dos EUA como da Coreia do Sul têm seguido de perto o caso dos Galaxy Note 7 defeituosos. Num primeiro momento a Samsung deu ordens de recolha dos cerca de 2.5 milhões unidades do antigo modelo, substituindo-o por uma nova versão que (alegadamente) estaria livre de defeitos na bateria.

Porém, mesmo estas versões acabaram por manifestar falhas, tendo estado na origem de mais acidentes que têm sido publicados na internet ao longo da última semana.