De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Mundo

O terceiro mercado dos vinhos portugueses é…

Foi em 2016 que o terceiro destino do vinho de mesa português passou a ser os Estados Unidos, tomando o lugar ocupado por Angola, depois de um crescimento de 8% nas exportações para este mercado.

Segundo dados da Viniportugal, que reúne profissionais da indústria vinícola, as exportações de vinho de mesa para os EUA cresceram 66,6% nos últimos seis anos. “Os EUA são uma prioridade máxima desde 2012. É um mercado cujo consumo continua a aumentar, bem como a sua população. É o maior importador mundial de vinhos, mas também é produtor, pelo que há conhecimento e apreciação”, disse à Lusa o diretor de marketing da Viniportugal, Nuno Vale.

No ano passado, os EUA importaram 74,8 milhões de euros em vinho português, absorvendo agora mais de 10% de todos as exportações neste setor, o que ajudou a compensar a queda de 40 milhões de euros em valor das exportações para Angola, uma descida de 54%.

Nuno Vale explica que os “EUA têm uma nova geração, aberta a descobrir novos vinhos, a procurar vinhos com autenticidade e com uma boa relação qualidade-preço”. “Os vinhos portugueses oferecem isso e surpreendem e por isso têm ganho o interesse pelo mercado americano, mas também pelo mercado global”, acrescenta. Segundo o mesmo responsável, a ViniPortugal investe “perto de 1,5 milhões de euros anuais” em promoção nos EUA.