De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Desporto

Paulo Fonseca diz adeus à Liga Europa

A Roma, do treinador português Paulo Fonseca, falhou o apuramento para os quartos de final da Liga Europa de futebol, ao perder por 2-0 com o Sevilha, que acompanha o Bayer Leverkusen, vencedor por 1-0 sobre o Rangers.

Espanhóis e alemães juntam-se ao já apurados Manchester United, FC Copenhaga – pela primeira vez nesta fase da prova -, Inter Milão e Shakhtar Donetsk, treinado pelo português Luís Castro.

Os andaluzes vão agora medir forças com o vencedor do desafio entre Olympiacos, orientado pelo português Pedro Martins, e Wolverhampton, treinado pelo compatriota Nuno Espírito Santo, enquanto o Inter de Milão é o adversário do Bayer Leverkusen nos ‘quartos’.

Numa eliminatória a uma só mão, disputada em Duisburgo, na Alemanha, a formação romana esteve irreconhecível, apática e permitiu aos andaluzes instalarem-se quase sempre no seu meio-campo, para, praticamente, sentenciaram o jogo.

O jovem central francês Kounde, de 21 anos, deu o primeiro sinal de perigo aos 12 minutos, quando cabeceou à barra da baliza de Pau Lopez, que já não teve mãos para evitar os remates certeiros de Sérgio Reguilon (22) e En Nesyri (44).

O lateral esquerdo espanhol recebeu um passe de Banega, ‘cavalgou’ sobre dois adversários para finalizar já dentro área. Em cima do intervalo, foi o avançado marroquino a dar a melhor sequência ao cruzamento de Lucas Ocampos, em mais um lance muito consentido pela defensiva romana.

Com o jogador mais talentoso da Roma, Nicolo Zaniolo, a passar ao lado do jogo, a melhor oportunidade só aconteceu aos 51 minutos, pelos pés de Mkhitaryan, com o remate a sair rente ao poste. No tempo de compensação, aos 90+10, o defesa Mancini ainda recebeu ordem de expulsão.

Também em solo germânico, na BayArena, os farmacêuticos entraram confortáveis em campo, diante do Rangers, ‘carrasco’ do Sporting de Braga na fase anterior, face à vantagem por 3-1 alcançada na primeira mão, na Escócia.

A jogar em casa, o domínio voltou a pertencer aos alemães, apesar de só terem conseguido chegar à vantagem no segundo tempo, abrindo o marcador pelo francês Moussa Diaby, aos 51 minutos, depois de receber um passe a ‘rasgar’ a defensiva adversária de Aranguiz.

A ‘final a oito’ da Liga Europa vai disputar-se em Dusseldorf, Colónia, Duisburgo e Gelserkirchen, de 10 a 21 agosto.