De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Comunidades

Marcelo visita comunidade portuguesa em Itália

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, inicia na segunda-feira uma visita de Estado a Itália, dividida entre Roma e Bolonha, durante a qual será recebido pelo seu homólogo italiano, Sergio Mattarella, na terça-feira.

Segundo o programa divulgado, a visita do Presidente da República começa com uma receção à comunidade portuguesa, na segunda-feira.

De acordo com uma nota publicada no portal da Presidência da República na Internet, Marcelo Rebelo de Sousa estará em Itália até quarta-feira, para “confirmar o dinamismo e vitalidade do relacionamento luso-italiano e abordar um conjunto de temas de interesse mútuo nos contextos europeu e internacional”, acompanhado pela secretária de Estado dos Assuntos Europeus, Ana Paula Zacarias, e por deputados à Assembleia da República.

Esta deslocação acontece num quadro de relações bilaterais caracterizadas como de “nível de excelência” e “na sequência da visita de Estado efetuada pelo Presidente da República Italiana a Portugal em dezembro de 2017, bem como dos vários outros encontros que têm permitido fomentar o diálogo bilateral ao mais alto nível”.

Na terça-feira, o chefe de Estado presta homenagem ao soldado desconhecido e visita os Museus Capitolinos e o programa inclui ainda uma reunião com a presidente do Senado, um almoço oferecido pelo presidente do Conselho de Ministro e uma reunião com o presidente da Câmara dos Deputados. Marcelo Rebelo de Sousa é recebido oficialmente no Palácio do Quirinal por Sergio Mattarella, que nessa noite oferece um jantar de Estado em sua honra

O dia de quarta-feira “é dedicado à cidade de Bolonha e à importância da educação e do ensino superior”.

“Depois de uma audiência com o presidente da Região Emilia Romagna, o Presidente da República será distinguido com o ‘Sigillum Magnum’ da Universidade de Bolonha, numa cerimónia em que estará igualmente presente o Presidente Sergio Mattarella”.

Após uma “cerimónia oficial de despedida, que simboliza o fim formal da Visita de Estado”, Marcelo Rebelo de Sousa “terá ainda a oportunidade de visitar a Câmara Municipal de Bolonha e de manter um diálogo com estudantes universitários”, lê-se na nota da Presidência da República.