De que está à procura ?

Colunistas

Dizem que se matou

Dizem que se matou. A morte de quem que que seja é sempre de lamentar, mesmo por mais patife que fosse o defunto.

É minha opiniao que ninguém é absolutamente mau, nem completamente bom. Normalmente somos “assim assim”, “maios ou menos”, “tem dias”, etc…

Matou-se, talvez farto da vida, talvez para fugir às suas responsabilidades, talvez para deixar algo incompleto.

Pedro Guimarães

Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor.

TÓPICOS