De que está à procura ?

Lifestyle

Viseu tem uma nova galeria de arte

Venha a nós a Boa Morte (VBNM) é um espaço reabilitado pela Pausa Possível, na Rua Senhora da Boa Morte, 18, – no centro histórico de Viseu -, e que foi adequadamente preparado para criar, produzir e apresentar obras de artistas visuais no que diz respeito à criação contemporânea portuguesa.

VNBM é um programa de quatro exposições anuais, assumindo a clara intenção de enquadrar o distrito de Viseu enquanto território de perscrutação e de produção contemporânea no que diz respeito às Artes Visuais e na sua relação com a região.

VNMB pretende, durante cinco anos, convidar artistas portugueses com um percurso nacional e internacional sólido e longo, cujo trabalho e formas de se relacionarem com o território sejam absolutamente diferentes entre si, com suportes e concepções, eventual e diametralmente opostas. Pretende-se a produção de um discurso estético e social, a partir das criações a serem pensadas, produzidas e expostas em Viseu.

É ainda intenção da VNBM que, em 2027, no final de 5 anos de residências, com 20 artistas e 20 exposições, se concretize a edição de um livro que suportará uma exposição com todos os trabalhos criados desde 2022, em vários museus da cidade de Viseu.

Durante o ano 2022, a VNBM receberá quatro artistas plásticos para residência, exposição e masterclass, designadamente: André Cepeda, Dayana Lucas, Gabriela Albergaria e João Queiroz. Os resultados das residências /exposições ocorrerão em julho, setembro, novembro e dezembro de 2022, respectivamente.

A VNBM estabeleceu protocolos com o Plano Nacional das Artes, com a Associação Portuguesa de Professores de Artes Visuais e com o IPV — Escola Superior de Educação de Viseu, para que professores e alunos de ensino superior e ensino secundário possam ter visitas guiadas, especificamente direcionadas para cada grupo. Poderão ainda usufruir de duas masterclasses — uma preparada para professores e outra para alunos — e acompanharem o processo criativo e de produção da exposição, com base no material das residências.

A proposta VNBM pretende, assim, inscrever a região de Viseu como território de reflexão, a partir da criação de obras de arte contemporânea; sendo o único projecto profissional e independente na região com uma proposta nesta área; propondo um conjunto de artistas de qualidade indiscutível; afirmando-se como um projecto original que pretende contribuir para a diversidade e descentralização da criação artística nesta área específica, em Portugal.

#portugalpositivo

TÓPICOS