De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Lifestyle

Viseu cria plataforma para promover produtos locais

A Câmara Municipal de Viseu lançou a plataforma digital “Viseu compra aqui”, em parceria com as associações de comerciantes e hotelaria, e os CTT, para apoiar os comerciantes e produtores locais a escoarem os seus produtos.

“Esta plataforma estava prevista ser lançada, mas entendemos que este é que era o momento”, destacou o presidente da Câmara, António Almeida Henriques.

Segundo o autarca, a plataforma “Viseu compra aqui” está disponível através de uma aplicação de telemóvel, “CTT comércio local”, que conta com produtos de comerciantes e produtores locais que se associaram ao projeto e que tem na linha da frente os produtos endógenos.

A iniciativa tem a parceria da Associação Comercial do Distrito de Viseu e da Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP), e ainda dos CTT, que “garante a entrega dos produtos” adquiridos na plataforma digital.

Na cerimónia de lançamento, responsáveis desta parceria destacaram a “importância da plataforma” e deixaram o alerta de que “o grande desafio é alimentar esta ideia, para que daqui a meio ano o dia de hoje não fique lembrado como um ato público sem a capacidade de ir mais além”.

Almeida Henriques defendeu que este projeto “vai ser muito importante para o comércio de proximidade, para o mercado municipal, que lá vai ter os produtos à venda, e vai ser muito importante para o canal da restauração e bares”, uma vez que considerou a plataforma “abrangente e democrática”.

O presidente dos CTT, João Bento, elogiou a iniciativa e mostrou a disponibilidade da empresa para “continuar a apoiar a economia e ser parceira, principalmente em momentos de dificuldade”.

A cerimónia de lançamento também contou com a presença da ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, que apadrinhou o projeto, e a presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) do Centro, Isabel Damasceno.

Após o lançamento da plataforma, foi inaugurada a primeira obra concluída pelo município no âmbito do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU), a requalificação da Rua João Mendes, vulgarmente conhecida por Rua das Bocas.

A manhã terminou com uma visita às instalações do Centro de Incubação Tecnológica de Viseu, o Vissaium XXI onde, adiantou Almeida Henriques, “passará a existir a incubadora de base científica e tecnológica de Viseu que desenvolverá os clusters dos agroalimentares, que será uma das bases, e das tecnologias de informação e comunicação”.

#portugalpositivo