De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Colunistas

Sou uma mãe tanto faz

Quantas leis humanas já foram criadas
Para acabar com o puro preconceito
O racismo prevalece, as pessoas são odiadas
O ódio anda no ar e rasga qualquer peito.

Que futuro aguarda a humanidade
Quem vos revelará toda a verdade
Sobre o que significa o inferno
Ou qual a condição dos mortos?

Quem nos informará porque existimos
Qual será o nosso futuro amanha
Quem se recordará dos heróis que vimos
Nos jornais e nos telejornais diários?

Quem saciará continentes esfomeados
Quem dará pernas novas aos mutilados
Quem regerá este mundo tão fraccionado
Quem quer acolher tantos refugiados?

Quem curará um mundo triste e adoentado
Morredouro há quase seis mil anos
Há governo humano que nos explique isso
Ou haverá algum livro que nos informe de tudo?!

Uma mãe passou muitas noites sem dormir
Cuidando dos seus dez filhos pequenos
Hoje seus dez filhos não cuidam de sua mãe
Ela exclama: Sou um tanto faz para quem tanto fiz!!

JOSÉ VALGODE

Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor.