De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Lifestyle

Quinta portuguesa propõe nova categoria para o Vinho do Porto

A Quinta da Boeira propôs ao Instituto dos Vinhos do Douro e do Porto (IVDP) uma nova categoria de Vinho do Porto para os vinhos “Vintage” e LBV acabados de colher na vindima, medida que permitiria à região um encaixe financeiro imediato de 30 milhões de euros.

Segundo adiantou esta segunda-feira à agência Lusa fonte da empresa, a proposta que acaba de ser feita ao Instituto dos Vinhos do Douro e do Porto visa a criação de “uma nova categoria de Vinho do Porto, com a designação ‘Full Body – Young Harvest’, a ser atribuída aos vinhos “Vintage” e LBV [‘Late Bottled Vintage’] acabados de colher na vindima e que, por regra, terão que aguardar dois a quatro anos para serem comercializados”.

A possibilidade de abrir esta nova categoria de Vinho do Porto, segundo a Quinta da Boeira, “permitiria vender, por exemplo, em dezembro do ano de vindima, entre 2% a 3% da produção beneficiada do Douro, ou seja, cerca de dois a três milhões de garrafas, criando um valor acrescentado para a Região Demarcada do Douro de até 30 milhões de euros”.

Saiba mais em Jornal de Notícias.