De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Mundo

Procura pela língua portuguesa tem aumentado em África

A Secretária de Estados dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação, Teresa Ribeiro (na foto), afirmou que a procura pela língua portuguesa em África tem aumentado, também graças ao peso crescente de Angola e Moçambique.

O Governo já tem memorandos de entendimento assinados com várias instituições de ensino superior africanas na África do Sul, Botswana, Namíbia, Tanzânia e Senegal e está a analisar a possibilidade de introduzir o português nas escolas do Quénia, onde foi criado, em 2017, o primeiro leitorado de língua e cultura portuguesas.

A governante sublinhou que a língua portuguesa é “uma ferramenta” de comunicação e de negócios particularmente útil “na vida daqueles que têm uma relação com os países que falam português” e afirmou que “África é uma absoluta prioridade para Portugal”.