De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Comunidades

Portugueses acusados de burla na Suíça

Dois portugueses foram recentemente acusados de burla no cantão de Valais, Suíça, devido a um esquema que lhes permitiu obter 52 mil francos de forma ilegal.

Ambos os portugueses, pai e filho, foram ouvidos pela justiça suíça e o mais velho acabou condenado a 80 dias de multa com pena suspensa e a uma multa de 500 francos. Ao que tudo indica, o homem terá montado a burla para favorecer o seu filho desempregado.

Noticiários locais avançam que após a reforma, em 2016, era o filho quem assinava a folha salarial ao fim do mês numa empresa de construção civil. O crime terá passado despercebido pela justiça uma vez que os nomes de ambos coincidiam.

Ainda assim, a burla foi mais longe, tendo o jovem sido inscrito no fundo de desemprego, garantindo, até agora, mais de 50 mil francos ilegalmente.

A justiça ainda não se pronunciou sobre futuras medidas de coação.