De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Desporto

Portugal estreia-se no Torneio de Toulon com empate

A seleção portuguesa de futebol sub-19 empatou esta segunda-feira 0-0 com o Canadá, na ronda inaugural do grupo C da 46.ª edição do Torneio Internacional de Toulon, a decorrer em França.

Perante os ‘estreantes’ do Canadá, a participar pela primeira vez na prova francesa, a seleção comandada por Hélio Sousa não conseguiu sair do nulo, num encontro equilibrado no estádio Jules Ladoumégue.

Depois de uma primeira parte equilibrada, na qual os lusos entraram melhor e os canadianos recuperaram a caminho do intervalo, o segundo tempo teve mais oportunidades, com Luís Maximiano a fazer duas defesas na baliza portuguesa e José Gomes e João Filipe a falharem o alvo no lado contrário.

No outro jogo da ‘poule’ C, a Turquia venceu o Japão por 2-1 e assumiu a liderança do grupo. A formação lusa volta a entrar em campo na quinta-feira, frente ao Japão, em jogo marcado para as 17:00 (16:00 em Lisboa), em Vitrolles.

Portugal, que faz a 30.ª participação no torneio, procura a quarta vitória na prova, depois de 1992, 2001 e 2003, e quebrar um ‘jejum’ de finais que dura há 13 anos.

Jogo no Estádio Jules Ladoumégue, em Vitrolles (França).

Portugal – Canadá, 0-0.

Equipas:

– Portugal: Luís Maximiano, Romain Correia, David Carmo, Rúben Vinagre, João Costa, Afonso Brito, Duarte Valente, Domingos Quina, Pedro Correia, Trincão e Mesaque Dju.

(Suplentes: João Virgínia, Moura, Luís Silva, Diogo Teixeira, Florentino, David Tavares, João Filipe, José Gomes e Elves Baldé).

Treinador: Hélio Sousa.

– Canadá: James Pantemis, Émile Legault, Derek Cornelius, Shamit Shome, Daniel Kinumbe, Julian Dunn-Johnson, Okello Ayo, Aidan Daniels, Liam Millar, Kris Twardek e Jonathan David.

(Suplentes: Michael Baldisimo, Kosovar Sadiki, Matthew Roberts, Mathieu Choinière, Clement Bayiha, David Norman, Noah Verhoeven, Theo Bair e Alessandro Carlo Busti).

Treinadores: John Herdman e Mauro Biello.

Árbitro: Ioannis Papadopoulos (Grécia).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Émile Legault (72), João Filipe (78) e Duarte Valente (79).