De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Europa

Polícia assassinado no sul de Londres

Um polícia britânico foi morto na madrugada desta sexta-feira por um suspeito detido na esquadra de Croydon, no sul de Londres, anunciou a polícia.

O agente morreu no hospital e o suspeito, de 23 anos, também foi hospitalizado em estado grave com um ferimento de bala. Terá voltado a arma contra si.

A polícia precisou num comunicado que não foi disparado qualquer tiro de uma arma policial.

“Estamos no início da investigação e tentamos estabelecer as circunstâncias que envolveram este incidente”, disse a chefe da Scotland Yard, Cressida Dick.

Trata-se do primeiro agente morto a tiro em serviço nos últimos oito anos no Reino Unido.

Vários polícias morreram em serviço nos últimos anos no Reino Unido, um dos quais, Keith Palmer, esfaqueado junto ao parlamento britânico em 2017, num ataque reivindicado pelo grupo extremista Estado Islâmico. Mas os últimos agentes mortos a tiro foram-no em 2012, segundo um ‘site’ da polícia.

O primeiro-ministro, Boris Johnson, reagiu na rede social Twitter, apresentando “condolências à família, amigos e colegas” da vítima.

“Temos uma grande dívida para com aqueles que arriscam as suas vidas para garantir a nossa segurança”, acrescentou.

Num comunicado, a ministra do Interior, Priti Patel, declarou-se “profundamente chocada e triste”.