De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Desporto

Pedro Carvalho mostra que os portugueses sabem lutar

Está em curso nos Estados Unidos o torneio do Bellator, o segundo campeonato mais prestigiado de MMA (mixed martial arts) a seguir à UFC, e há um português presente nas meias-finais. Pedro Carvalho, também conhecido no meio pela alcunha de “Portuguese Man of War”, venceu Sam Sicilia, no passado fim de semana, no SAP Center, em San José, ficando mais perto do sonho de conquistar o cinto de campeão na divisão de Featherweight (peso-pena).

O português venceu o norte-americano de 33 anos, antigo lutador da UFC, no segundo round por submissão. À espera do vencedor do torneio, para além do cinto de campeão, está um prémio de um milhão de dólares (mais de 900 mil euros).

Com apenas 24 anos Pedro Carvalho tem uma carreira promissora à sua frente. Neste momento o português está numa série de seis vitórias consecutivas, quatro delas no Bellator. No total o “Portuguese Man of War” apresenta um registo de 11 vitórias e três derrotas enquanto profissional. O lutador de um metro e 80 é um porta-estandarte português numa modalidade que tem vindo a ganhar cada vez mais fãs.

Natural de Guimarães, Pedro trabalhou numa fábrica para juntar dinheiro para correr atrás do seu sonho de ser profissional de MMA. Em 2017 deixou a cidade berço e partiu para Dublin, na República da Irlanda, para treinar no no Straight Blast Gym Ireland, um prestigiado ginásio cujo mais conhecido representante é Connor McGregor. É por isso que antes e depois dos combates não dispensa as bandeiras portuguesa e irlandesa aos ombros, como forma de representar a sua identidade. Quando entrevistado no final do último combate o vimaranense proferiu mesmo algumas palavras em português incentivando o MMA nacional.

Pedro Carvalho volta ao octógono no dia 28.