De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Desporto

O treinador português que corre a Europa

O treinador português Luís Pimenta, anunciado como novo técnico do campeão letão de futebol Riga FC, pretende “renovar a dobradinha” da Liga e da Taça da Letónia, explicou à Lusa.

Aos 37 anos, depois de experiências no Kongsvinger, na Noruega, e no Brommapojkarna, da Suécia, Pimenta terá a terceira experiência como treinador principal na Letónia, com a responsabilidade de orientar os campeões em título.

Apesar de ser um projeto muito recente, fundado em 2014, o emblema da capital não demorou a vencer a segunda divisão, no primeiro ano, tendo sido quinto e terceiro classificado nos anos seguintes, antes de vencer campeonato e taça local, em 2018.

“É um projeto recente, mas com muita ambição e uma progressão estável. Agora, tem o objetivo de dar mais um passo e renovar a dobradinha, mas também dar mais um passo, com a presença, pela primeira vez, nas eliminatórias de acesso à Liga dos Campeões”, contou o técnico luso.

Na carreira de Luís Pimenta, este é “um excelente salto”, pela possibilidade de “lutar por troféus” e “jogar as eliminatórias da ‘Champions’”, ainda mais num clube “muito bem estruturado”.

“É um clube recente, mas com todas as condições de evoluir e dominar cada vez mais o futebol letão e dar passos no futebol europeu”, considerou.

A fazer carreira no estrangeiro, Pimenta recorda ter emigrado “com cinco anos”, com os pais, antes de voltar para estudar na Faculdade de Motricidade Humana, em Lisboa, com uma experiência na equipa técnica do Belenenses.

“Não me vejo apenas como português, cresci no estrangeiro e vejo-me como um cidadão do mundo. (…) Não foi tanto uma estratégia de carreira, mas mais como a carreira se foi desenvolvendo. Não tinha previsto chegar à Noruega, mas fui lá parar e as coisas correram bem”, acrescentou.

Luís Pimenta assinou por um ano, com mais um de opção, depois de ter treinado na primeira liga sueca e da experiência na Noruega, em que levou o Kongsvinger, que subiu ao segundo escalão, ao ‘play-off’ de subida ao principal campeonato e à final da Taça da Noruega, perdendo ambos os embates.

Com o arranque do campeonato marcado para nove de março, o Riga FC vai realizar em Chipre o segundo estágio de pré-temporada, depois de um primeiro apronto em Abu Dhabi, com confrontos frente aos russos do Krylia Sovetov, da primeira divisão, e o Guangzhou Evergrande, segundo na Liga chinesa em 2018.