De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Lifestyle

O café em Portugal é o melhor do mundo, diz blogger polaca

Chama-se Aneta Wieczorkiewicz, um apelido difícil de de pronunciar em língua portuguesa, mas esta polaca de 35 anos fala perfeitamente a língua de Camões e está apaixonada por Portugal. “Vivi três anos em Portugal em Coimbra onde estudei Economia”, explicou ao BOM DIA a autora do blogue Bom dia, Portugal! e da respetiva página Instagram.

Quando Aneta chegou a Portugal, no contexto de um programa Erasmus, “quase não falava nada”. Rapidamente descobriu outros polacos que escolheram Portugal como destino de estudos “talvez por causa do sol e porque são países exóticos para nós”, explica esta polaca nascida em Cracóvia. “Portugal para um polaco é um país exótico e há o cliché de que “os portugueses são muito abertos” e isso atrai muitos estudantes, mas também turistas, afirma a blogger que é também profissional no domínio turístico pois fez um estágio numa agência de promoção turística e trabalha para agentes de viagens, além de escrever para jornais e revistas sobre viagens.

“Acho que Portugal é o país que eu conheço melhor e de que gosto muito”, afirma, considerando que, por isso, pode ajudar turistas polacos a descobrirem o país como tour leader, mas também através das suas publicações.

Aneta Wieczorkiewicz resistiu ao pedido do BOM DIA para escolher uma região preferida em Portugal mas acabou por admitir que “o Centro de Portugal é a minha zona favorita e Coimbra a minha cidade. Em geral adoro a região das Beiras e o Norte que é muito bonito”, mas esta polaca que gosta de sol admite que “o Alentejo e as suas praias são especiais”.

Quando acompanha grupos de turistas do seu país a Portugal, os trajetos são em geral os mesmos Lisboa, Porto, Algarve e Fátima, mas  também as cidades com importantes monumentos como Batalha, Alcobaça e Sintra. “Os polacos gostam mais dos monumentos, e não imaginam que Portugal tem uma tal história e uma bela arquitetura”, explica com base na sua experiência. “Todos os polacos vão a Portugal a pensar no sol e na luz mas depois descobrem tudo o resto”, acredita Aneta, confirmando que na Polónia a maioria das pessoas já conhecem o fado “mas querem ouvir essa música em Portugal”.

Outra fonte de fascínio para os turistas polacos é o oceano Atlântico: “muitos nunca viram o verdadeiro oceano, e adoram visitar o Cabo da Roca ou Nazaré”.

Quanto à comida “adoro peixe grelhado, francesinha e todos os doces”, diz Aneta que alerta sempre para o risco de engordar! “O peixe e o marisco é o preferido dos turistas que acompanho, mas tenho de dizer que nem todos gostam de bacalhau”, explica com um sorriso. “O que todos destacam é a variedade de peixes e o café. Vocês não sabem mas o café em Portugal é extraordinário, ninguém tem melhor café do que os portugueses!”.

O BOM DIA descobriu o blogue de Aneta Wieczorkiewicz porque a autora decidiu chamar-lhe “Bom dia, Portugal”, uma ideia que tinha surgido há uns anos mas que só em 2017 começou. Aneta Wieczorkiewicz pretende continuar a alimentar o blogue a a sua página Instagram que lhe serve também de base para mostrar Portugal junto de grupos e também em escolas.

“Na Polónia há interesse e curiosidade sobre Portugal e eu faço apresentações, explico a cozinha portuguesa, e tenho muito gosto nisso”, explica a polaca apaixonada por Portugal que confirma ainda “não ter apoio nenhum do Turismo de Portugal nem de nenhuma instituição”.