De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Colunistas

Meteorologia íntima

Mau tempo no canal
o esfíncter torcido
o estômago dorido
à segunda-feira almoço sempre mal.

A manhã vai ser favorável
a precipitações e trovoadas
na face oeste e na região sul
o céu não vai estar azul
tarde deplorável
nas beiras interiores rajadas
períodos muito nublados
as costas afetadas
por dores e outros males
ao serão o vento vai soprar forte
no litoral do quadrante norte
e durante a madrugada uma frente fria
vai trazer neblinas, nevoeiros
e novos aguaceiros
da cabeça até a bacia.

Clepsidra stressada
escorre a ampulheta
num contrarrelógio danado
quero pôr-me na alheta
mas o disco solar empurra
cúmulo-nimbos negros sobre mim
que só me trazem azurra
e quedas de temperatura.

Passei o dia todo a enviar
garrafas vazias ao mar
inane inatividade
orgânica e onânica
apenas meteorologia perdida
e é tanta já a área ardida
tanto papel gasto
para tanto nada.

Amanhã é outro dia,
acho que é terça-feira,
e esta neura doentia
esta parvulez foleira
já terá partido sem dores
com o anticiclone dos amores.

E foi esta a previsão do estado do tempo
a meteorologia do corpo e da mente
e o barômetro da alma, da calma e do afã.
Uma boa continuação. Até amanhã!

JLC05032019