De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Comunidades

Luso-francês luta pelo “til” após ver nome do primeiro filho negado

Um cidadão luso-francês, residente em França, iniciou uma luta contra o sistema de registos daquele país, uma vez que viu o nome escolhido para o seu primeiro filho ser rejeitado devido à existência do til.

O caso ocorreu no passado dia 18 de agosto no hospital de Créteil quando Georges, professor de português com dupla nacionalidade, e a sua namorada, nascida na Grã-Bretenha, viram negado o nome João Fañch na certidão de nascimento.

De acordo com o Le Parisien, o cartório terá recusado registar aqueles dois acentos nos nomes próprios da criança alegando que, “o estatuto civil de 23 de julho de 2014 não reconhece o til na língua francesa”.