De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Desporto

Liga portuguesa vai ter jogos todos os dias

A edição de 2019/20 da I Liga portuguesa de futebol vai ser reatada com jogos em todos os dias da semana, depois da suspensão devido à pandemia de covid-19, disse a diretora executiva da Liga de clubes.

Em entrevista à Rádio Renascença, Sónia Carneiro, diretora executiva da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), expressou a vontade de “matar toda a fome de bola” dos adeptos, depois da interrupção em 12 de março, com os 90 jogos restantes da I Liga.

“Teremos futebol de segunda a domingo, exceto em alguns dias de julho em que não será possível. Os adeptos irão matar toda a fome de bola que tiveram durante estes dois meses e meio de confinamento”, afirmou Sónia Carneiro.

A organização da competição, que tem previsto o reatamento para 04 de junho, prevê completar a prova até 26 de julho, ou seja, em 52 dias.

“Estamos a trabalhar com os operadores para otimizar horários e preencher o calendário o mais possível com o número máximo de dias com jogos. Vai haver alturas em que teremos jogos todos os dias. Os clubes estão a fazer um grande esforço nesse sentido e esse trabalho está a ser feito com os departamentos de futebol, para as equipas terem um período de descanso mínimo de três a quatro dias”, explicou a responsável.

Sónia Carneiro ressalvou que essa dispersão de jogos deve ser maior nas duas primeiras semanas, a fim de reduzir os riscos de lesão dos jogadores, e menor na última jornada, “por razões regulamentares”.

O Regulamento de Competições da LPFP defende que os jogos da última jornada “devem ser realizados no mesmo dia e à mesma hora”, admitindo, para efeitos de transmissão televisiva, “alterações em bloco de jogos que envolvam todos os clubes que disputem a obtenção de um mesmo objetivo”, casos do primeiro lugar, despromoções ou acesso às competições europeias.

Na mesma entrevista à Rádio Renascença, Sónia Carneiro admitiu que, “provavelmente, ainda dentro desta semana, será publicado” o calendário, fazendo depender essa divulgação das vistorias aos estádios, que ainda decorrem.

“Admito que amanhã [quarta-feira] ou o mais tardar na quinta-feira teremos os relatórios finais e o quadro de estádios definido”, rematou.

Após a declaração de pandemia, em 11 de março, as competições desportivas de quase todas as modalidades foram disputadas sem público, adiadas – Jogos Olímpicos Tóquio2020, Euro2020 e Copa América -, suspensas, nos casos dos campeonatos nacionais e provas internacionais, ou mesmo canceladas.

Os campeonatos de futebol de França, Países Baixos, Bélgica e Escócia foram cancelados, enquanto outros países preparam o regresso à competição, com fortes restrições, como sucede em Inglaterra, Itália, Espanha e Portugal, que tem o reinício da I Liga previsto para 04 de junho, depois de a Liga alemã ter sido retomada no sábado.

Faltam disputar 90 jogos do principal escalão do futebol nacional, o único que não foi cancelado devido ao novo coronavírus, assim como a final da Taça de Portugal, que vai opor Benfica e FC Porto.

Após 24 jornadas, os ‘dragões’ lideram a competição, com 60 pontos, mais um do que o campeão Benfica.