De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Motores

Lexus lança SUV com motorização de alta eficiência

O novo motor a gasolina (2.0 litros) de quatro cilindros do Lexus UX 250h é um dos mais eficientes motores alguma vez fabricados pela Lexus (41% de eficiência térmica). As inovações incluem assentos de válvula com revestimento a laser, uma alta taxa de compressão (14: 1) e a injeção de combustível D4-S que combina injeção direta e indireta. Para além disso, enquanto a recirculação de ar proveniente do escape potencia o aquecimento rápido do motor, o sistema inteligente de acionamento da válvula de temporização variável reforça o potencial de condução, ao mesmo tempo que reduz as emissões.

Transeixo Dianteiro Híbrido

O UX 250h vem com um novo transeixo dianteiro híbrido que liga o eficiente motor a gasolina de 2.0 litros a dois motores/geradores elétricos, atingindo valores de consumo de combustível, de tranquilidade e de desempenho líderes no segmento.

Para tornar este novo transeixo mais compacto e melhorar o seu desempenho durante a condução, os engenheiros da Lexus desenharam um layout inovador multi-eixo, para substituir o convencional, em que os motores elétricos MG1 (geração de energia/potência) e MG2 (acionamento às rodas) estão dispostos no mesmo eixo. Comparado com o transeixo do modelo compacto anterior, o comprimento da unidade foi reduzido em aproximadamente 45 mm. As dimensões compactas permitem que o mecanismo tenha mais espaço para alcançar o diâmetro de viragem do UX, que é líder na sua classe (diâmetro de 10,4 metros entre passeios). Para além disso, com as perdas gerais de fricção da transmissão reduzidas em 25%, o MG2 é agora um motor capaz de maior velocidade, proporcionando melhor desempenho e eficiência.

Importante para o refinamento e durabilidade da motorização eletrificada do Lexus UX, os engenheiros da Lexus também desenvolveram um novo sistema de retorno de óleo ao transeixo e aos motores/geradores (MG1/MG2).

Unidade de Controlo Energético

Mais compacta, a nova Unidade de Controlo de Potência (PCU) do UX 250h é 20% mais potente, mas 10% mais leve do que as unidades anteriores. Crítico, tanto no caso do design, como nas considerações de segurança, o tamanho e o peso da PCU foram reduzidos através do desenvolvimento de um novo circuito integrado mais compacto, conversor DC-DC e estrutura que juntos resultam numa redução de 20% nas perdas de potência e melhoria de eficiência de combustível. Os engenheiros da Lexus também introduziram uma placa de alimentação 2-em-1 menor, com uma eficiência de refrigeração de dupla face. Enquanto isso, a otimização do filtro de saída reduziu ainda mais os níveis de ruído.

A nova PCU fica diretamente acima do transeixo dianteiro híbrido, contribuindo para a compactação e a redução do peso de todo o sistema, criando mais espaço dentro do compartimento do motor. Por sua vez, permite ter um capot mais baixo, ao mesmo tempo que oferece proteção melhorada para peões no caso de uma colisão.

Bateria Híbrida

Recentemente desenvolvida, a bateria de hidretos metálicos de níquel (NiMH) do UX 250h não só melhora a eficiência de combustível e o desempenho elétrico do veículo, como também economiza espaço. Beneficia de um novo tipo de construção, cujo tamanho reduzido foi possível graças a uma revisão do sistema de refrigeração mais compacto. Com 180 células de 1,2 V cada para uma voltagem total de 216 V, a bateria híbrida do UX 250h produz 24 kW e está localizada debaixo do banco traseiro, o que minimiza a intrusão no espaço de carga e otimiza a distribuição do peso na dianteira e na traseira, reduzindo ainda o centro-de-gravidade.

E-FOUR

O novo sistema de tração às quatro rodas E-FOUR do UX 250h recorre a um motor/gerador elétrico exclusivo, integrado no diferencial traseiro. Comparativamente aos sistemas Lexus E-FOUR anteriores, o transeixo traseiro híbrido foi bastante reduzido em tamanho e peso, aumentando, assim o espaço para bagagem traseira e melhorando a estabilidade e dinâmica. Informações enviadas via diferentes sensores (sensores de velocidade das rodas, sensor G, sensor de taxa de viragens bruscas (yaw), sensor de ângulo de direção, etc.) são usadas para controlar com precisão a distribuição de binário dianteiro-traseiro em proporções entre 100: 0 e 20:80 na aceleração, nas curvas ou em superfícies escorregadias. O E-FOUR também garante a estabilidade da condução em subidas íngremes ou estradas cobertas de neve, com menor consumo de combustível do que os sistemas convencionais mais pesados, de tração às quatro rodas.

Materiais ultra-leves

Para melhorar a eficiência e o desempenho do UX 250h, a equipa de engenharia começou por reduzir o peso de todos os elementos possíveis. O motor a gasolina de 112 kg do UX 250h é um dos mais leves da sua categoria. Os engenheiros reduziram 27 kg utilizando alumínio em vez de aço nas portas, nos guarda-lamas e no capot, e materiais compostos para a porta da bagageira. A inclusão de uma estrutura interna em alumínio na bagageira, com painéis interiores e exteriores de “Super Olefin Polymer” foi outra das estreias da Lexus. Através destas medidas de redução de peso, o UX passou a ser, o modelo com o mais baixo centro de gravidade do segmento (594 mm) com acrescida agilidade de condução, normalmente associada a um compacto hatchback.

O UX 250h irá chegar em breve aos centros Lexus de toda a Europa.