De que está à procura ?

Comunidades

Iniciativa Liberal quer rede consular mais eficiente

A Iniciativa Liberal é um dos poucos partidos que vem fazendo campanha ativamente junto das comunidades, tanto no círculo da Europa como fora.

A IL organizaou vários debates em linha com os cabeças-de-lista pelos círculos da emigração, tendo debatido os vários problemas que assolam o país, “com especial atenção aos desafios que se colocam na reorganização da rede consular”, pode ler-se em comunicado do partido.

“A rede consular tem de ser próxima dos cidadãos e estar organizada de maneira mais eficiente”, diz a IL. Nuno Garoupa, cabeça de lista Fora da Europa aponta o dedo à abstenção dos emigrantes e criticou “a incapacidade que o Estado português tem demonstrado, ao longo de décadas de democracia, para encontrar um sistema de voto verdadeiramente capaz e funcional para os portugueses recenseados no estrangeiro”.

A candidata Joana Gil, n.º 3 pelo círculo da Europa, acompanhada de membros e simpatizantes da IL, visitou vários estabelecimentos portugueses em Saint Gilles, bairro de Bruxelas, na Bélgica, com uma marcada presença lusófona.

A campanha liberal esteve com a comunidade portuguesa em Londres. A candidata Carolina Correia Diniz teve oportunidade de conversar com dezenas de emigrantes e ” confirmou a frustração da comunidade pela forma como é ignorada pelo Estado, espelhada desde logo na total ausência de informação sobre como votar nestas eleiçōes”, acusa a cabeça de lista da Iniciativa Liberal.

A candidata aproveitou para lembrar algumas das propostas liberais, tais “como a reforma dos serviços consulares ou um melhor acesso ao voto pelos emigrantes”.

Rui Salgueiro, candidato n.º 4 pela Europa, avistou-se também com portugueses emigrados na Polónia nas ruas de Varsóvia.

TÓPICOS