De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Lifestyle

Estudo sobre a pobreza global vale Nobel a três economistas

O prémio Nobel da Economia de 2019 foi atribuído esta segunda-feira à francesa Esther Duflo, ao indiano Abhijit Banerjee e ao norte-americano Michael Kremer, anunciou a Real Academia das Ciências sueca.

Os três economistas foram premiados pela “abordagem experimental para aliviar a pobreza global”, segundo a Real Academia de Ciências da Suécia.

O Prémio de Ciências Económicas (Prémio Sveriges Riksbank de Ciências Económicas em Memória de Alfred Nobel) foi anunciado pouco antes das 11h00, hora de Lisboa.