De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Comunidades

Estão entregues os prémios IPMA 2020

Os Prémios Internacionais de Música Portuguesa (IPMA, na sigla em inglês) distinguiram artistas de vários países, numa cerimónia virtual apresentada por Sónia Araújo e com participação de nomes reconhecidos da música portuguesa.

Os IPMA, que desde 2013 reúnem cerca de mil espetadores na cidade norte-americana de New Bedford para celebrar talentos portugueses, foram apresentados ‘online’ na noite de domingo (madrugada de segunda-feira em Portugal), distinguindo os cantores Carlos Leitão, Cristóvam, Dan Tibério, Fátima Santos, Pedro Cruz, entre outros.

A apresentadora Sónia Araújo conduziu o espetáculo ‘online’, completando uma hora de música e entretenimento proporcionados por portugueses espalhados pelo mundo, em momentos filmados para substituir a cerimónia que tinha sido marcada para 25 de abril em New Bedford, data que foi cancelada devido à pandemia de covid-19.

“A oitava edição decorreu como ninguém esperava […]. A disponibilidade de tão grandes nomes da nossa música vem confirmar que o IPMA é um evento de referência na diáspora”, disse a apresentadora.

As candidaturas para os prémios do próximo ano foram abertas durante o espetáculo virtual e decorrem até 30 de novembro, com a condição de que “as canções e vídeos enviados devem ter sido lançados entre 01 de dezembro de 2019 e 30 de novembro de 2020”.

O cantor e guitarrista açoriano Cristóvam conquistou os prémios para música pop e Canção do Ano, com o tema “Burning Memories”.

Kevin Antunes, diretor musical e teclista que trabalhou com cantores reconhecidos em todo o mundo, incluindo Madonna, apresentou o prémio de ‘world music’, cujo vencedor foi Dan Tibério, de França.

Carlão entregou o prémio de rap/hip-hop ao artista The Craft (Karl Amaral), que agradeceu o apoio às “comunidades do ‘hip-hop’ e portuguesas”, a partir dos Estados Unidos.

A categoria musical ‘Dance’ foi apresentada por Miguel Ângelo e distinguiu o trabalho de Marcos Carnaval, Donny Marano e Paulo Jeveaux.

O realizador norte-americano Mitch Francis foi laureado pelo videoclipe da canção “Psycho”, de Tyler & Ryan.

João Pedro Pais cantou pelo segundo ano consecutivo nos IPMA, seguido pelas intervenções de Mariza e Aurea na apresentação de prémios.

Carlos Leitão foi o premiado da categoria de fado, Pedro Cruz recebeu a distinção de música popular, enquanto Fátima Santos venceu na categoria tradicional.

O espetáculo teve momentos de comédia proporcionados por Helfimed e pelos The Portuguese Kids, seguindo com a entrega do prémio para a categoria instrumental ao acordeonista Nelson Conceição.

O grupo The Code conquistou o prémio de rock, apresentado pelo vocalista e baixista dos Xutos & Pontapés, Tim.

Bruno Correia foi a escolha do público desta edição.

Os IPMA 2020 receberam candidaturas da África do Sul, Brasil, Canadá, EUA, França, Malásia, Países Baixos e Portugal.