De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Comunidades

Emigrante na Suíça vai ser expulso por ter agredido polícia

Um emigrante que foi baleado por um polícia suíço em 2017, quando tentou reagir à pedrada a uma tentativa de revista, foi esta sexta-feira condenado a dois anos de prisão e a uma pena acessória de expulsão, revela o jornal Correio da Manhã.

O polícia agressor foi absolvido.

Os factos ocorreram na cidade de Charrat, no sul da Suíça. O coletivo de juízes deu como provado que o polícia agiu em legítima defesa. Por isso, absolveu-o, e condenou o português, que terá de receber tratamento psiquiátrico.

Um eventual recurso do condenado poderá levar a uma reapreciação do acórdão.