De que está à procura ?

Comunidades

Diretor da Gazeta Lusófona nomeado membro da ALALS

Por ocasião da 92ª Edição da Feira do Livro de Lisboa foi realizada a tomada de posse dos novos membros da Académie des Lettres et Arts Luso-Suisse (ALALS), em parceria com a editora Rede Sem Fronteiras (RSF). Entre os vários académicos que tomaram posse conta-se Adélio Amaro, o diretor do jornal português na Suíça Gazeta Lusófona. 

Adélio Amaro é também presidente do Centro de Património da Estremadura (CEPAE) e consultor para a Cultura Popular do Município de Leiria, mas igualmente coordenador editorial da editora Portugal Mag que atua em Paris, na França. Adélio Amaro colabora na Imprensa de diversos países, tais como: Portugal, Suíça, França, Brasil, Canadá e Estados Unidos com mais de 4 mil artigos publicados em mais de 80 jornais e revistas.

A cerimónia de posse teve lugar  na Associação Caboverdeana de Lisboa, que atua em Portugal há 52 anos e atualmente está sob a direção de Filomena Vicente onde 30 novos académicos receberam das mãos do Presidente da ALALS, e colunista do BOM DIA, Augusto Lopes, a medalha de honra da instituição e a cadeira de posse como membro.

De posse da Cadeira número 25 da Academia de Letras, com sede em Genebra,  o novo académico Adélio Amaro  manifestou “estar  honrado em poder colaborar e incentivar a leitura e promover as obras literárias de diversos escritores lusófonos que com ele, fazem parte desta ilustre instituição”. Entre os quais estão Carlos Cardoso, de São Tomé e Príncipe, Caren Borges, Rio Grande do Sul, Brasil, Ludger Carvalho de São Tomé e Príncipe, Alberto Araújo, Niterói, Brasil entre outros. No mesmo espaço, tivemos a presença de diversos escritores dos países lusófonos como Portugal, Brasil, Angola, Guiné-Bissau, Cabo Verde, São Tomé e Príncipe e países como Suíça, Países Baixos, Estados Unidos, Bélgica, sendo representados pelos antigos e novos académicos da ALALS.

TÓPICOS