De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Mundo

Companhias aéreas ajudam Unicef a distribuir vacina

Um grupo de companhias aéreas mundiais faz parte de uma parceria para ajudar o Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, a transportar vacinas contra a covid-19 ao redor do mundo.

A agência destaca este processo como uma “missão histórica”, em nota de lançamento da Iniciativa de Frete Aéreo Humanitário. O acordo assinado com mais de 10 companhias dá prioridade à entrega de vacinas, medicamentos, dispositivos médicos e outros suprimentos.

Segundo a Unicef, a iniciativa também atuará como um mecanismo de preparação logística global para outras crises humanitárias e de saúde no longo prazo.

A diretora da Divisão de Abastecimento da Unicef, Etleva Kadilli, disse que “a entrega dessas vacinas é um empreendimento monumental e complexo, considerando os grandes volumes que precisam ser transportados, os requisitos da cadeia de frio, o número de entregas esperadas e a diversidade de rotas.”

A iniciativa reúne companhias aéreas que cobrem rotas para mais de 100 países. Esse alcance deve ajudar a chegar a todos os países que pertencem à Covax, a iniciativa da OMS para garantir acesso rápido e equitativo às vacinas para todos os países.

Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, Moçambique e Timor-Leste fazem parte do mecanismo e devem começar a receber doses até final de março.

Com base no plano de alocação da primeira rodada, 145 países receberão doses para imunizar cerca de 3% de sua população, em média, ainda este ano.

As doses começam a ser distribuídas ainda no primeiro semestre, se forem cumpridos todos os requisitos e planos.