De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Colunistas

Coimbra: edificações com estilo

Tanto na cidade de Coimbra localizada na região centro de Portugal, como nos seus arredores, vamos encontrar edifícios de vários estilos e datas. Não só os exteriores de muitas edificações fascinam o visitante e a população residente, mas também muitos interiores são ricos em vestígios do passado ou são frutos da criatividade e necessidade da vida moderna.

Basta entrar e caminhar pelas ruas do centro da cidade para se poder observar as linhas das casas, escritórios e consultórios, das quais sobressaem as janelas brancas retangulares com ou sem arcos e portas de madeira antigas, ainda com um pouco da magia da Idade Média. Na Praça 8 de Maio, avista-se a Igreja Sta. Cruz imponente. As suas paredes e o chão da Praça dão um estilo real ao centro deste centro urbano. Neste edifício, modificado ao longo dos tempos, vale a pena observar a fachada principal e os claustros. Mesmo perto, o Café Santa Cruz faz a sua própria história, cativando as gentes para saborear o bom café.

As formas singulares da Biblioteca Joaninha integrada na Universidade de Coimbra, expressa o Barroco. Aqui se descobre o dourado, a predominância de enfeites ou ornamentações. Estas exprimem emoção, a ilusão do movimento, poder e riqueza típica do absolutismo. Relativa-mente ao pequeno Pelourinho de Coimbra renovado, os arcos das janelas e das portas destaca-se um ar antigo e de esquecimento. A Universidade de Coimbra – Alta e Sofia, como conjunto histórico e cultural é sempre centro de visita em qualquer altura do ano.

Esta Universidade é a mais antiga de Portugal e uma das mais antigas da Europa seguida de algumas universidades de Inglaterra, Itália, Franca e Espanha. A Universidade de Coimbra integrada no antigo Paço Real tem a capela de São Miguel com um pórtico evidentemente manuelino. O interior da capela mostra pinturas maneiristas, com uma maneira manifestadora do naturalismo e humanismo renascentista. Nos arredores de Coimbra, as Ruínas de Conímbriga expõem a memória do estilo romano. Para além de outras relíquias, vale a pena realçar a área pavimentada de mosaicos e jogos de água.

Todavia, Coimbra é igualmente marcada por edificações modernas. A Ponte Pedro e Inês aberta em 2007, trata-se de uma ponte pedonal e ciclovia sobre o rio Mondego. A sua aparência simples, é porém cativante. Esta tem arcos metálicos, passadiço em madeira e guardas de vidro laminado de quatro cores.

E para aqueles que têm a paixão pelo futebol, atletismo e concertos musicais, o Estádio de Coimbra é uma edificação recente, do ano 2003. Este é parcialmente coberto, os lugares sentados são coloridos e a parte lateral exterior tem janelas de vidro. O seu aspeto moderno e dinâmico atrai sócios, o público em geral e clubes desportivos.

 

Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor.