De que está à procura ?

Colunistas

Caminhar

Caminhar, mover-se de um lugar para outro. Sentir o corpo, ouvir os pensamentos, contemplar a natureza ao redor.

Estes últimos tempos caminho sozinha, em silêncio. Curtas ou longas distâncias a sentir o mundo, o mundo interior e o exterior.

Ouvir as vozes do pensamento, dos pássaros, das árvores, dos ribeiros. Descodificar o sentido, os simples gestos, os murmúrios da natureza. Ver com os olhos da alma. Conectar com a imensidão do universo.

É um exercício como outro qualquer.

Questinar o mundo e os homens!

Quando é que deixamos de ver a beleza primordial do universo?

Quando nos desconectamos da força divina? Da natureza que tudo explica?

Quando nos esquecemos de perceber a impermanencia da matéria?

Não será difícil entender os mistérios do mundo. A ligação às energias do cosmos. A passagem das estações, os rituais sagrados e dos homens.

Morte/ renascimento; sombra/ luz
Natal/ Páscoa; solstício de inverno/ solstício de Verão. Corpo/ espírito.

É esta a condição humana!

São Gonçalves

Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor.

TÓPICOS