De que está à procura ?

Portugal

Visita de turista americano às Berlengas acaba em tragédia

© DR

Um homem de nacionalidade norte-americana morreu esta segunda-feira na ilha das Berlengas, ao largo de Peniche, no distrito de Leiria, enquanto praticava ‘snorkeling’, informou a Autoridade Marítima Nacional em comunicado.

O desportista, de 62 anos, morreu “depois de alegadamente se ter sentido mal enquanto praticava a atividade de ‘snorkeling’ junto ao Carreiro da Fortaleza, no arquipélago das Berlengas”, no distrito de Leiria, é referido no comunicado.

Segundo a mesma fonte, o alerta foi dado por uma embarcação marítimo-turística a informar que o homem “se encontrava em estado inconsciente”.

Para o local, foram acionados o Salva-vidas de Peniche e elementos dos Bombeiros Voluntários de Peniche, que já se encontravam na ilha.

A vítima foi retirada da água em estado inconsciente pelos funcionários da empresa marítimo-turística para uma zona de praia, tendo de imediato iniciado manobras de reanimação que perduraram até à chegada dos Bombeiros Voluntários de Peniche, que deram continuidade às manobras, com recurso a oxigenoterapia.

O homem foi transportado até ao Porto de Peniche, tendo sido sujeito durante a viagem a bordo a manobras de reanimação.

À chegada, era esperado por elementos do Instituto Nacional de Emergência Médica, que vieram a declarar o óbito, tendo o corpo sido transportado depois para o Instituto de Medicina Legal de Torres Vedras numa ambulância dos bombeiros de Peniche.

O ‘snorkeling’ é um tipo de mergulho para fins de lazer e recreação em que a pessoa fica na superfície da água, usando apenas uma máscara, barbatanas e um tubo de aproximadamente 40 centímetros para respirar.

TÓPICOS