De que está à procura ?

alemanha
Lisboa
Porto
Berlim, Alemanha
Desporto

Marselha de Villas Boas derrota o todo-poderoso PSG

Uma década depois, o Marselha voltou a ganhar ao PSG no Parque dos Príncipes. Feito que André Villas Boas, treinador dos visitantes, realçou, com farpas aos parisienses à mistura.

«Já têm 10 anos de domínio mas isso custou-lhes mais de um bilião de euros. Querem é ganhar a Champions mas ainda não conseguiram. No final do jogo, o Tuchel disse-me que devia jogar na lotaria e eu perguntei-lhe se ele tinha jogado antes do jogo com a Atalanta [para a Champions, PSG deu a volta nos descontos]. Mas tenho muito respeito por ele», assegurou o português.

O Marselha bateu (0-1) o vice-campeão europeu Paris Saint-Germain, em jogo a contar para o campeonato francês de futebol. Num encontro disputado com os ânimos à flor da pele, com Neymar e Dimitri Payet a serem os principais alvos de cada uma das equipas, foi Thauvin quem conseguiu adicionar algum discernimento, com um golo aos 31 minutos.

Poucos minutos depois, o craque brasileiro dos parisienses queixou-se ter sido alvo de insultos racistas por parte de Álvaro Gonzalez, situação que acabou com o extremo a trocar algumas palavras com um dos adjuntos de AVB.

No entanto, foi no final que tudo descambou, quando uma ‘batalha campal’ resultou em cinco expulsões no espaço de poucos minutos (três para o PSG e duas para o Marselha). Neymar foi um dos expulsos, com recurso ao VAR, por dar uma palmada no pescoço de um adversário.

À saída do campo, o brasileiro queixou-se de ter sido alvo de racismo junto do 4.º árbitro. Com este resultado, o Marselha passa a somar 6 pontos, fruto de dois triunfos nos dois jogos até ao momento disputados, enquanto que o PSG continua sem vencer neste arranque da Ligue 1.