De que está à procura ?

Europa

Eurodeputada portuguesa distinguida por futuro e inovação

© DR

A eurodeputada Maria da Graça Carvalho, eleita pelo PSD, venceu o MEP Award na categoria de Futuro da UE e Inovação. A cerimónia foi organizada pela Parliament Magazine na passada quarta-feira.

Maria da Graça Carvalho já havia sido ministra da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior nos governos liderados por Durão Barroso e Santana Lopes. É já a segunda vez que é premiada nesta categoria, tendo sido a primeira em 2011, como noticia a Sapo.

“Já tinha sido extraordinário ter sido nomeada em duas categorias e é uma grande honra acabar por vencer no Futuro da UE e Inovação, sobretudo por se tratar de uma nova categoria dos MEP Awards que tem muito que ver com a minha actividade e as minhas prioridades no Parlamento Europeu”, revela a eurodeputada do PPE, família política do PSD e CDS-PP.

A portuguesa venceu frente a três outros concorrentes de outros países e famílias políticas. Os outros finalistas foram o romeno Victor Negrescu e a espanhola Lina Gálvez Muñoz, do S&D, mesma família do PS; e a sueca Malin Björk, do GUE/NGL, que partilha família com o PCP e o Bloco de Esquerda.

Houve ainda outros dois finalistas portugueses, ambos do Partido Socialista. Na categoria de Segurança e Defesa, Isabel Santos foi distinguida, tendo ido o prémio para o estónio Urmas Paet, do renew europe. Também Manuel Pizarro foi destacado na escolha do público quanto à resposta à covid-19. O prémio acabou por ser atribuído à húngara Katalin Cseh, também do renew europe, família da Iniciativa Liberal.

Maria da Graça Carvalho fez também parte dos nomeados para a categoria de Estratégia Digital e Mercado Único, embora não tenha vencido.

Os MEP Awards tiveram agora a sua 18ª edição, atribuíndo prémios aos melhores eurodeputados em 12 categorias.

#portugalpositivo

TÓPICOS