De que está à procura ?

alemanha
Lisboa
Porto
Berlim, Alemanha
Lifestyle

Curta portuguesa em competição no festival de Berlim

O mais recente filme do cineasta Carlos Lobo, “Aos Dezasseis”, foi selecionado para a 72ª edição do festival alemão, que decorrerá entre 10 e 20 de fevereiro.

A curta-metragem integra a Competição Generation 14Plus, dedicada a obras contemporâneas que exploram a vida e o mundo juvenil, recorrendo a histórias que são contadas através do olhar de jovens protagonistas.

“Aos Dezasseis” é a primeira curta-metragem de ficção do cineasta português e estreia mundialmente na Berlinale. O filme foi produzido pela Olhar de Ulisses e Cimbalino Filmes, e conta com a distribuição da Agência da Curta Metragem.  

“Este filme nasce da minha experiência pessoal e muitos dos espaços de rodagem são lugares da minha adolescência”, diz o realizador. Carlos Lobo afirma ser “skater desde os 14 anos e a cultura do skate deu-me referências culturais que formaram as raízes da minha compreensão e a minha posição enquanto artista”.

Ao escrever esta história, Lobo quis mudar a sua perspetiva pessoal para o mundo de uma jovem rapariga que vive uma fase importante da vida.

“Aos Dezasseis” é assim um retrato de uma certa ideia poética da juventude, um período em que a procura da definição da nossa identidade e das suas lutas está presente como condição de sobrevivência e de sentimento de pertença. Basicamente, “Aos Dezasseis” é uma espécie de carta de amor à beleza da juventude e a todas as suas lutas, esperanças e frustrações.

Carlos Lobo nasceu em Guimarães é cineasta, fotógrafo, músico, investigador e programador no campo da fotografia. Professor na Escola de Artes da Universidade Católica Portuguesa, é investigador no CITAR – Centro de Investigação em Ciência e Tecnologia das Artes. Doutor em Ciência e Tecnologia das Artes pela Universidade Católica do Porto. Desde 2018, é coordenador do Mestrado em Fotografia da Escola das Artes, UCP Porto.

É também programador independente do CAAA (Centro de Arte e Arquitectura) e editor da LEBOP, editora independente especializada em livros de fotografia. Como fotógrafo, já publicou várias monografias, e a sua obra está representada em numerosas e prestigiadas coleções de fotografia. “Aos Dezasseis” é a sua primeira curta-metragem de ficção.​