De que está à procura ?

alemanha
Lisboa
Porto
Berlim, Alemanha
Colunistas

Criar poesia com arte

Num gesto caloroso e gentil
Na tua simpática companhia
Conversamos e solidificamos
Um lindo e solene compromisso.

O teu rosto branco e sorridente
Como mármore liso esculpido e duro
Estava avermelhado e brilhando como o sol
Vieste de longe de um horizonte puro.

Acabaste de nascer para viver e amar
Trazias rosas no regaço e calor feminino
Falando de amor afecto e eternidade
Coisa linda quando o amor se esfriando.

Saborear cada palavra tua é criar arte
Os teus lábios são montes como a Gralheira
Teu cabelo se agita aqui e noutra parte
A poesia que extasiaste é criada à maneira.

Jardins suspensos são os teus olhos
Com silencio e arte eu te idealizei
Num gesto poético lindo quase te criei
No silêncio com palavras que eu nem sei .