De que está à procura ?

alemanha
Lisboa
Porto
Berlim, Alemanha
Comunidades

Benfiquistas emigrados saíram à rua para festejar título

Paris, Luxemburgo, Genebra, Lyon, foram algumas das cidades europeias onde a conquista do 37.º título de campeão português de futebol do Benfica foi vivida com tanta ou mais euforia do que em Portugal, com declarações de amor ao clube e muita festa à mistura.

Paris costuma ver este tipo de comemorações nos Campos Elísios, mas tal não aconteceu devido aos coletes amarelos. Muitos emigrantes portugueses em França evitaram a tradicional volta à rotunda do Arco do Triunfo já que as manifestações estão interditas nessa zona de Paris ao sábado e sem aviso prévio.

Os grandes momentos da festa parisiense foram na Casa do Benfica de Paris, onde os gerentes foram obrigados a recusar adeptos que acorreram às centenas ao 14.º bairro da capital francesa para ver o jogo frente ao Santa Clara, da 34.ª e última jornada da I Liga, na companhia de outros benfiquistas.

No Luxemburgo, a noite foi vivida com fervor, com a maioria dos adeptos a concentrarem-se junto á estação do Luxemburgo. A zona da Gare é onde habitualmente se juntam os portugueses para festejarfeitos futebolísticos, “fechando habitualmente as duas ruas principais que acedem à praça onde fica a estação central do Luxemburgo.

Em Luanda, os benfiquistas da capital de Angola costumam assistiram em restaurantes e nas suas residências a conquista do 37.º título de campeão português de futebol pelo Benfica, não havendo grandes festejos nas principais ruas da cidade.

Os maiores festejos decorrem nos bairros e municípios periféricos de Luanda – Samba, Sambizanga, Kilamba Kiaxi, Bairro Popular, Palanca, Golfe I, Golf II, Morro Bento, ilha de Luanda, Cacuaco ou Viana, entre outros -, onde os benfiquistas locais celebram, entre amigos, o triunfo ‘encarnado’.

A má iluminação das ruas de Luanda é a desculpa apresentada por vários adeptos do Benfica e de outros clubes portugueses quando, questionados pela agência Lusa sobre se há um local privilegiado para os festejos, justificam a ausência de grandes celebrações na capital angolana.

A mais de 4 mil quilómetros de Portugal, os benfiquistas de Newark, nos Estados Unidos, celebraram a vitória sobre o Santa Clara e a consequente conquista do campeonato português.

Mais de 400 adeptos encarnados viram o jogo pela TV na sede do Sport Newak e Benfica e outros milhares em dezenas de clubes e associações, restaurantes e bares de New Jersey.

Veja mais reportagens e imagens em Jornal de Notícias.