De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Opinião

Valéria Carvalho canta Rui Veloso ao seu jeito de Bossa Nova

Sim, já devem estar familiarizados com o nome e com a pessoa… Valéria Carvalho é uma actriz com reconhecimento nacional, mas o que não sabiam é que também era cantora. Brasileira oriunda do estado de Minas Gerais, tem muita admiração em Portugal, onde se radicou em 1991, sobretudo pelo seu desempenho no teatro, na TV e no cinema. Na televisão portuguesa, já trabalhou em várias novelas, séries e talk shows. Valéria nunca pára! A última novela onde participa ainda está a passar na SIC, e chama-se “Espelho d’Água”.

Valéria é também a criadora e a directora da Casa da Língua Portuguesa. Mas é graças ao seu trabalho no teatro, e ao êxito dos seus espectáculos, que tem vindo a ganhar a atenção e a admiração dos meios culturais, como é o caso de “Chico em Pessoa” (2012), em torno da obra de Pessoa e Chico Buarque de Holanda, que esteve patente na Casa Fernando Pessoa e em diversos festivais.

A génese deste seu primeiro trabalho discográfico situa-se em 2014, quando apresentou o espectáculo musical e original “Rui Veloso em Jeito de Bossa” no Centro Cultural Olga Cadaval, em Sintra. Na sequência do êxito deste espectáculo e do que o mesmo desencadeou na própria Valéria, surge agora o álbum “Rui em Jeito de Bossa”. Valéria, acompanhada de músicos de excelência, e também vozes, como é o caso de Mafalda Veiga, toca e canta músicas de Rui Veloso num arranjo original, integralmente em bossa nova, e contou com o apoio incondicional do próprio.

Sobre este novo trabalho, Valéria diz: «A obra do Rui marcou todo meu percurso de vida aqui… Como actriz, o seu trabalho sempre me fascinou… O Rui é uma espécie de compositor encenador, ele cria um cenário musical para as letras… Depois de fazer o espectáculo Chico em Pessoa, não resisti em fazer o “Rui Veloso, em Jeito de Bossa”».

Por seu turno, Rui Veloso afirma: «Tenho vindo a acompanhar, há muitos anos, o percurso de Valéria Carvalho, sobretudo no teatro. Aprecio o seu profissionalismo, a seriedade e a forma inteligente com que ela aborda os temas que escolhe. Em relação ao projeto “Rui em jeito de Bossa”, apoiei-a logo de início, aquando da sua intenção de fazer o espetáculo, que resultou no disco. A Valéria está em Portugal há mais de 20 anos, e penso que isso contribuí para que ela tenha a sensibilidade para interpretar as canções sem as deturpar, de uma forma doce, leve e muito própria. Para além da sua vertente como atriz, que no palco ajuda muito à sua performance com os poemas do Carlos Tê, que ela faz brilhantemente, tudo resulta num espetáculo muito bonito e de grande qualidade musical. Simpatizo muito com este projeto e ele tem o meu apoio incondicional.»

Não deixem de adquirir e conhecer o trabalho musical e a fantástica voz desta brasileira de nascimento e portuguesa de coração que é a Valéria Carvalho. “Rui em jeito de Bossa” já está à venda na Fnac.