De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Portugal

Trilho português entre os seis mais bonitos do mundo

© © Rota Vicentina

A reconhecida revista de viagens Condé Nast considerou a Rota Vicentina, na costa alentejana, como um dos seis percursos pedestres mais bonitos do mundo. A publicação recomenda os trilhos que percorrem grande parte do litoral alentejano a quem goste de estar sozinho e aprecie a natureza no seu estado mais puro e intacto.

Segundo a Condé Nast, os melhores períodos para percorrer a Rota Vicentina, integrada no Parque Natural do Sudoeste Alentejano, são os que vão de setembro a novembro e os meses de primavera, entre março e maio.

É sugerida uma viagem de uma a duas semanas de visita, de forma a percorrer os trilhos existentes e usufruir de uma ampla zona de paisagem protegida que contempla praias quase secretas e desertas, arribas escarpadas e uma fauna e flora inegualável.

Na zona protegida é proibido acampar, mas há alternativas.: dos hotéis e alojamentos da região destacam-se duas localidades: Cercal do Alentejo e Santiago do Cacém.

Na avaliação da referida revista, a Rota Vicentina aparece lado a lado com o trilho Kalalau, na ilha de Kauai, no Hawai, o caminho costeiro Causeway (um dos cenários da série “Guerra dos Tronos”), na Irlanda do Norte, o percurso que liga as coloridas aldeias italianas conhecidas por Cinque Terre,  o caminho da Lícia, na costa mediterrânica da Turquia e o passeio Grande Oceano, no Sudeste da Austrália.