De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Publireportagens

São Roque do Pico, Capital do Turismo Rural

São Roque do Pico, nos Açores, é detentor da marca Capital do Turismo Rural desde 2013. Esta iniciativa partiu do facto de este segmento de turismo ser o que tinha mais visibilidade neste concelho, devido existirem bastantes ruínas de traça arquitetónica tradicional que se poderiam reformar e transformar em casas de férias para alugar.

Neste momento em São Roque do Pico existem 33 unidade de turismo em espaço rural completando mais de 220 camas e perfazendo 80% do turismo rural na ilha do Pico. São Roque é o concelho per/capita com mais unidades deste tipo no arquipélago dos Açores.

A marca de Capital de Turismo Rural tem servido de suporte a todas as atividades turísticas realizadas seja dentro do arquipélago dos Açores ou no exterior. Este tipo de uso da marca permite que o concelho e o este tipo de turismo chegue com muito mais facilidade ao possível visitante.

Para visitar a Capital do Turismo Rural o ideal é começar na freguesia de Santa Luzia visitando o Lajido de Santa Luzia, casa do Centro Interpretativo da Vinha e do Vinho onde podemos visitar o Património Mundial da UNESCO da cultura da vinho do Pico e fazer provas deste delicioso néctar.

Indo pela estrada da costa junto aos campos vulcânicos e junto ao mar através dos lugares dos Arcos e do Cabrito chegamos à freguesia de Santo António onde temos a Adega A Buraca que se trata de um museu etnográfico, que nos leva até ao início do cultivo da vinha neste concelho. Aqui é oferecida aos turistas a possibilidade de fazer uma refeição típica participando na sua confeção.

Seguindo para a freguesia de São Roque podemos visitar o museu da Industria Baleeira, antiga fábrica que tratava dos cachalotes caçados no mar pelos corajosos baleeiros de São Roque do Pico.

Indo através do Mistério da Prainha, descemos até à Baia de Canas que é um lugar aclamado por todos como um oásis de tranquilidade. Ao chegar à freguesia da Prainha (freguesia que começou a dinamizar o Turismo Rural no concelho) não podemos deixar de visitar a única praia de areia da ilha do Pico, 25m, de areia preta acabando num mar transparente, limpo e de temperatura sempre agradável.

A ultima freguesia do concelho é Santo Amaro, Terra dos Barcos, aqui podemos visitar os estaleiros navais e perder a noção do tempo a falar com o Mestre João Alberto sobre a construção/reparação dos muitos barcos que saíram deste estaleiro. Nesta freguesia podemos também visitar a Escola Regional de Artesanato onde podemos-mos deliciar com trabalhos em folha de Dragoeiro, casca de milho, escamas de peixe etc.

Acabamos a nossa visita na Baía do Canto com vista para a ilha de São Jorge. Estes são os pontos de visita se apenas passar um dia na Capital do Turismo Rural o que é notoriamente pouco tempo, sendo que para além destes locais temos piscinas naturais para todos os gostos, temos mais de 60 km de trilhos pedestres com paisagens de cortar a respiração e restaurantes onde os nossos visitantes se podem deliciar com a nossa gastronomia ímpar em todo o mundo.