De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Portugal

Quais as principais origens e destinos de passageiros do Aeroporto do Porto?

França, com 1,59 milhões, e Portugal, com 1,27 milhões, são as maiores origens/destinos de passageiros do Aeroporto do Porto nos primeiros oito meses deste ano, concentrando 39,9% do total do período, com 22,1% para as ligações com aeroportos franceses e 17,7% para as rotas domésticas.

Mais duas origens/destinos somam mais de 10% dos 7,2 milhões de passageiros que voaram de/para o Porto entre 1 de Janeiro e 31 de Agosto, Espanha, com 850,8 mil ou 11,8% do total, e Suíça, com 753 mil ou 10,5% do total.

Os quatro principais destinos são, assim, a origem/destino de 62,1% do total de passageiros do Aeroporto do Porto nos primeiros oito meses deste ano, com 4,47 milhões, +13,1% ou mais 517,7 mil que há um ano.

A origem/destino com o crescimento mais forte no período é Espanha, com +20,2%, seguida pelos voos domésticos, com +14,6%, as ligações com a Suíça, com +14,5%, e, finalmente, as rotas francesas, com +7,9%.

Em valor absoluto, o maior aumento é nas rotas domésticas, que têm mais 162,7 mil passageiros, seguidas pelas ligações com Espanha, com mais 142,9 mil, as rotas franceses, com mais 116,7 mil, e as ligações com a Suíça, com mais 95,3 mil.

A posição de liderança das ligações com França decorre do tráfego nas rotas regulares de Paris Orly, 2ª com mais passageiros, com 590,4 mil, a que se somam 187,8 mil na rota de Paris Beauvais, 148,2 mil na rota de Paris Charles de Gaulle, 147,1 mil em voos de/para Lyon St Exupery, 93,9 mil nos voos de/para Nantes e 90,8 mil em voos de/para Marselha.

Já o tráfego doméstico é principalmente nos voos regulares de/para Lisboa, 1ª rota no Porto, com 734,2 mil passageiros, a que se somam Madeira, com 244,5 mil, Ponta Delgada, com 143,6 mil, e Faro, com 108 mil.

Para o tráfego de/para Espanha contam principalmente os voos regulares de/para Madrid, com 395,3 mil passageiros, Barcelona, com 300,8 mil, e Palma de Maiorca, com 29,1 mil.

O tráfego com a Suíça reflecte principalmente as rotas de Genebra, 3ª principal no Porto, com 450,7 mil passageiros, Zurique, com 158,7 mil, e Basileia, com 140,8 mil.

Em valor absoluto, as rotas para essas quatro principais origens/destinos com maiores aumentos são mesmo Lisboa, com mais 94,1 mil passageiros (+14,7%), Barcelona, com mais 78,3 mil (+35,2%), Paris Orly, com mais 59 mil (+11,1%), Zurique, com mais 52,7 mil (+49,7%), Madrid, com mais 48,8 mil (+14,1%), Genebra, com mais 41 mil (+10%), Paris Charles de Gaulle, com mais 38 mil (+34,5%), e Madeira, com mais 31,7 mil (+14,9%).

As únicas em quebra são Lyon, com menos 10,2 mil (-6,5%), Faro, com menos 9,1 mil (-7,8%), Palma de Maiorca, com menos 3,5 mil (-10.9%), Marselha, com menos 1,6 mil (-1,7%), e Paris Beauvais, com menos 1,1 mil (-0,6%).