De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Colunistas

Poema lasso

Se há flores no jardim
e vento nos salgueiros
também orgasmos de incenso
se não há mais do que penso
são rosas no regaço
pão que eu amasso
e tudo o mais que faço
é neste incauto passo
que há muito se vai descalço
por essas janelas que trespasso
sobre o vento que se torna devasso
o tudo o mais é cansaço
como este bárbaro poema
um verdadeiro fracasso.

JLC1993