De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Opinião

Mundo de paz ou de terror?

Amo-te mundo a paz por ti perdida

Na sombra dos séculos amortalhada

Mundo de terror de paz mutilada

Jazendo por terra a paz enegrecida.

Este mundo tão agitado de Paz adormecida

Geme no íntimo e a morte dá gargalhada

Sepulcro aberto liberdade esfomeada

Rosto de massas pagando com a vida.

Choras Mundo! Porquê? Pela paz ou queixa?

Tu o amor desprezaste, colhes teu degredo,

Acorda mundo! A guerra e o terror deixa.

Do Oriente ao Ocidente de preconceito tentas

Retomar a paz desejada sólida como rochedo

Não há paz sem amor! E o ódio cria tormentas.

O mundo clama por paz – quando não há paz!