De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Desporto

Mundial2018: pela primeira vez uma equipa é apurada por “fair-play”

O Japão tornou-se na primeira equipa na história dos Campeonato do Mundo de futebol a assegurar um apuramento devido ao ‘fair-play’, enquanto a Bélgica bateu Inglaterra (1-0) e fez o pleno no Grupo G.

Na Rússia, no Mundial2018, dois cartões amarelos valeram ao Japão um lugar nos oitavos de final, em que vai defrontar o Bélgica, num Grupo H em que, quase tudo, acabou empatado entre nipónicos e Senegal, com a formação africana, uma das equipas ‘sensação’ da prova, a ter que regressar a casa mais cedo.

Depois de uma estreia desastrosa, a Colômbia acabou por garantir o topo do agrupamento, com um triunfo por 1-0 sobre o Senegal, e marcou duelo com a Inglaterra na próxima ronda.

A formação sul-americana acabou com seis pontos, contra quatro de Japão e Senegal, que também empataram nos golos (4-4) e no confronto direto (2-2), acabando os nipónicos por ficar à frente por terem menos amarelos (quatro contra seis). Tal nunca tinha acontecido na história dos Mundiais.

Em Samara, os colombianos venceram com um golo do central Yerry Mina, aos 74 minutos, de cabeça, na sequência de um canto marcado por Quintero, enquanto, em Volgograd, os polacos, já eliminados, ganharam com um tento de Jan Bednarek, aos 59.

Em Kaliningrado, na despedida da fase de grupos, a Bélgica, com muitas poupanças, bateu os ingleses, que também fizeram descansar as principais figuras, como Harry Kane, graças a um golo de Adnan Januzaj, aos 51 minutos.

Os belgas fizeram o pleno de nove pontos, contra seis dos ingleses.

Em Saransk, no outro encontro do Grupo G, entre equipas já com o bilhete de regresso marcado, a Tunísia bateu o Panamá por 2-1, com tentos de Fakhreddine Ben Youssef, aos 51 minutos, e Wahbi Khazri, aos 66. Yassine Meriah marcou, na própria baliza, o golo dos panamianos, aos 33, que ainda sonharam a com a primeira vitória de sempre na prova.