De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Colunistas

Libertação da mulher

Perder o mínimo de tempo com o que não gosto, e gastar o mínimo de palavras e gestos, e até pensamentos.

No fim de contas optimizar a gestão da coisa, dado que, não gostando, são na mesma uma fatalidade.

Flores e vinho com tudo o resto.

Isto é a libertação da mulher.