De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Opinião

E disse-lhe a morte…

e disse-lhe a morte então:
cravas esse punhal no peito
e és um homem morto

o gesto não se fez esperar

– eu avisei – disse a morte

a vida, sempre palavrosa
ficou sem palavras

dm