De que está à procura ?

Lisboa
Porto
Faro
Mundo

Alex Botelho termina em oitavo circuito mundial de ondas gigantes

© João Bracourt

O português Alex Botelho terminou esta quarta-feira em oitavo lugar o circuito mundial de ondas gigantes da World Surf League (WSL), competição na qual o havaiano Billy Kemper se sagrou campeão.

Depois de mais um dia sem condições favoráveis na última prova do circuito, disputada em Half Moon Bay, Mavericks, Califórnia, a organização deu por terminada a temporada, tendo o português somado 7,897 pontos, 19,243 pontos atrás do vencedor.

Os restantes portugueses em prova tiveram uma prestação mais modesta, com Nic von Rupp a terminar em 19.º (3,070 pontos), João de Macedo em 22.º (2,435 pontos), António Silva em 34.º e Hugo Vau em 35.º (ambos com 420 pontos).

Billy Kemper acabou por se sagrar campeão por ter chegado à final das três etapas realizadas (Puerto Escondido Challenge, Pe’ahi Challenge e Nazaré Challenge).

Numa prova dominada pelos havaianos, Kai Lenny – que obteve a melhor classificação nas meias-finais do Nazaré Challenge – terminou em segundo com 24,829 pontos e Ian Walsh em terceiro, com 17,757 pontos.

No setor feminino, a havaiana Paige Alms impôs-se às concorrentes, com um total de 10,000 pontos.

O circuito mundial de ondas gigantes da World Surf League (WSL) arranca novamente em outubro deste ano.