De que está à procura ?

alemanha
Lisboa
Porto
Berlim, Alemanha
Lifestyle

Tony Carreira vai atuar no Casino Estoril. Saiba quando

O cantor Tony Carreira, intérprete, entre outros êxitos, de “Ai Destino, Ai Destino”, atua pela primeira vez em nome próprio, no salão Preto e Prata do Casino Estoril, no dia 04 de fevereiro.

“Num concerto inédito no Casino Estoril, Tony Carreira sobe ao palco do salão Preto e Prata, no próximo dia 4 de fevereiro, para interpretar numerosos êxitos que marcaram diferentes épocas do seu percurso musical”, afirma em comunicado o Casino Estoril.

Segundo a mesma fonte, “cantor romântico por excelência, Tony Carreira é, hoje, um ícone da música ligeira portuguesa, um intérprete de exceção”.

Apontado pela sala de espetáculos nos arredores de Lisboa, como “referência da música portuguesa”, Tony Carreira irá apresentar-se num “concerto intimista com algumas surpresas à mistura, no qual estarão, ainda, em evidência a sua banda e produção habituais”.

“A Minha Guitarra”, “A Vida Que Eu Escolhi”, “Sonhador, Sonhador”, “Sonhos de Menino”, “Depois de Ti (Mais Nada)”, “Se Acordo e Tu Não Estás”, “Quem Era Eu Sem Ti”, “A Estrada e Eu”, “Tu Levaste a Minha Vida”, “Quem Esqueceu não Chora”, “Vagabundo por Amor” e “Mesmo Que Seja Mentira”, são algumas das canções que farão parte do alinhamento, segundo a mesma fonte.

“Um extenso elenco de composições que o distinguem, reservando-lhe um lugar de destaque na história da música portuguesa”, assinala o Casino.

O cantor atua com a sua banda no Estoril, em vésperas de editar “dois novos CD, em português e francês”.

Tony Carreira, de 53 anos, começou a cantar em França, para a comunidade portuguesa, numa banda constituída com os irmãos, Irmãos 5, e editou o seu primeiro disco em 1988, após ter participado no Festival da Canção da Figueira da Foz. dirigido pelo maestro José Calvário.

A carreira do cantor, porém, só descolou na década de 1990.

Segundo informações no seu sítio na Internet, com 28 anos de carreira, Tony Carreira soma 18 álbuns de originais, 58 discos de platina e mais de quatro milhões de discos vendidos, tendo já esgotado as salas do Olympia e do Zenith, em Paris, e o Emperors Palace, em Joanesburgo, entre outras salas, como a lisboeta Meo Arena.