De que está à procura ?

alemanha
Lisboa
Porto
Berlim, Alemanha
Motores

Suzuki SX4 S-Cross: fortes argumentos e preço simpático

O Suzuki S-Cross não é o modelo mais vistoso do seu segmento, mas tem fortes argumentos e equipamentos aliados ao seu preço simpático.

No exterior o estilo é radical e dinâmico, com grelhas dianteiras bastante abertas e vistosas com alguns acabamentos cromados, um difusor traseirocom proteção metálica, faróis e farolins rasgados, uma altura ao solo que satisfaz, proteções plásticas por toda a carroçaria que não é normal em todos os SUV, a linha de cintura é retilínea e não tão pronunciada, como é habitual, o que pode ser bom para os passageiros que conseguem ver mais da paisagem exterior.

Destaque ainda para equipamentos como luzes LED na dianteira e traseira, faróis de nevoeiro, sistema de chave mãos-livres, jantes de 17 polegadas envolvidas em pneus 215/55, vidros traseiros escurecidos, barras de tejadilho em alumínio e ainda um tejadilho panorâmico de dimensões generosas como opção.

No interior, a qualidade dos materiais não é surpreendente, contudo, pode-se dizer que a qualidade da montagem satisfaz, embora não seja suficiente para deixar de ouvir alguns ruídos parasitas. O espaço a bordo é convincente tanto nos lugares dianteiros como nos traseiros.

A bagageira tem 430 litros de capacidade, que podem chegar aos 875. A acessibilidade é também agradável.

No que toca ao equipamento, nada falta ao Suzuki SX4 S-Cross: botão Start da ignição, tejadilho panorâmico de dimensões generosas, ar condicionado automático de dupla zona, comandos de rádio e telefone no volante, sistema de navegação e multimédia em ecrã táctil de 7 polegadas, painel de instrumentos com computador de bordo em ecrã TFT, patilhas no volante para troca de caixa, sensores de ajuda ao estacionamento traseiro com câmara de ajuda ao estacionamento, assentos dianteiros aquecidos, apoio de braço nos lugares traseiros, retrovisores retráteis eletricamente, cruise control adaptativo, limitador de velocidade, sensor de chuva e luminosidade, entre outros.

O sistema de navegação e multimédia satisfaz, embora não tenha download de aplicações, informações de trânsito em tempo real, entre outros. Contamos com ligação Android Auto, Apple CarPlay e MirrorLink. É possivel reproduzir musica a partir do telefone ou iPod, por exemplo, assim como efetuar chamadas, receber chamadas e ainda a leitura de mensagens de texto em alta voz. O computador de bordo, apresenta dados de viagem e consumos, alertas dos sistemas de segurança e temperatura exterior… o necessário.

O Suzuki SX4 S-Cross fornece uma postura de condução agradável e confortável, independentemente do tipo de regulação de assento e volante é sempre possível ver o painel de instrumentos e ter uma boa visibilidade da estrada.

Se procura um comportamento entusiasmante e desportivo, o Suzuki SX4 S-Cross não é o automóvel ideal, contudo, não podemos assumir que tenha um mau comportamento, não é um automóvel de corridas, mas em curva está ao nível do segmento e tem uma direção que podia ser mais comunicativa. Houve meios de imprensa que realizaram testes dinâmicos de esquiva ao Suzuki S-Cross, em que este revelou um bom desempenho. Como podíamos colocar defeitos num automóvel que transmite segurança? As suspensões tem uma configuração bastante confortável, talvez seja por isso que não agrade tanto os condutores mais puristas, mas fará a diferença nas viagens longas e percursos de cidade ou terra mais atribulados.

Onde a Suzuki realmente tem vindo a surpreender é nos motores e caixas de velocidades que são extremamente eficientes, entusiasmantes e económicos. Neste caso do Suzuki SX4 S-Cross, a versão ensaiada contava com o motor 1.4 litros de 4 cilindros a gasolina, com 140cv de potência e 220Nm de binário, a caixa automática de seis velocidades envia a potência para as rodas dianteiras. Esta caixa é digna de alguns automóveis premium, uma vez que efetua trocas de forma rápida, eficiente e bastante confortável, melhor até que alguns automóveis de marcas com maior número de vendas e reputação invejável. Já a motorização 1.4 fornece uma aceleração dos 0 aos 100km/h em apenas 9,5 segundos, antes de atingir a velocidade máxima de 200km/h.

O consumo de combustível é também surpreendente, uma vez que não é costume para um automóvel a gasolina de caixa automática, com motor 1.4 de 140cv gastar cerca de seis litros a cada 100km, em percursos mistos com e sem trânsito. Relembramos também que o Suzuki S-Cross é um SUV, por isso é mais alto e tem um peso bruto de 1730kg. Sendo um automóvel nipónico, de uma marca habituadíssima a conceber todos os tipos de motores, não podemos deixar de falar na fiabilidade mais do que comprovada dos automóveis da Suzuki.

No campo da segurança, o Suzuki SX4 S-Cross conta com sistema de ajuda ao arranque em subida, sensor de proximidade, aviso de transposição involuntária de faixa, travagem ativa de emergência, cruise control adaptativo, sete air-bags, ente outros.

MAIS CARROS EM CAR ZOOM